O futuro de acordo com os livros

Dia desses me deparei com um posto (mega) complexo mas, não obstante, muito interessante. Ele busca responder, de uma maneira “científica”, como será o nosso futuro com base nos livros publicados.

A ideia é simples: pegou-se uma série de obras escritas no passado com algum tipo de previsão. Em seguida, essas previsões foram cruzadas com as datas reais e analisadas. Aí restou um terceiro ponto: estipular quando os eventos que ainda não aconteceram acontecerão, montando uma espécie de linha de tempo da história futura da humanidade.

Doido, não? Mas vale conferir. A pena é só que o gráfico é todo em inglês :-/

De toda forma, vale conferir clicando na imagem abaixo.

Kickstarting: o que os autores acham?

Na semana passada fizemos um post sobre o Kickstarting (veja aqui), perguntando aos autores o que eles achavam sobre um modelo de se fazer pre-venda de seus livros e, com isso, angariar fundos antes.

Recebemos uma série de comentários e emails mas, em resumo, temos o seguinte cenário:

1) A maior parte dos autores encara pre-venda como uma maneira de garantir uma tiragem maior e, portanto, de baratear os custos severamente. De fato, com tiragens na casa dos mil exemplares, os custos praticamente despencam porque mudamos a forma de impressão. Do lado de cá, vamos nos preparar para isso já costurando acordos com as gráficas.

2) Muitos autores também buscam financiamento para “cuidar” dos livros, incluindo conseguir arcar com diagramação, revisão, capa e outros custos necessários para um acabamento mais profissional à obra.

Há sugestões em outras direções e devemos deixar tudo aberto mas, daqui, focaremos principalmente nesses dois pontos.

Obrigado a todos que contribuíram com as sugestões e aguardem novidades em breve!!!

A magia da falta de fronteiras dos ebooks

Dia desses, uma amiga minha de Dubai falou sobre um livro infantil que a editora dela lançou, Alayah. É uma história infantil, daquelas com poucas frases e muita imaginação – mas não foi isso que me chamou a atenção.

O que impressionou, na verdade, foi que acabei me pegando lendo uma história de criança inteiramente calcada na cultura do Oriente Médio para a minha filha de 3 anos, léguas de quilômetros distantes. Aí bateu a (talvez óbvia) conclusão: é impressionante o nível de globalização cultural que o próprio universo dos ebooks proporciona.

Para uma criança que já nasceu na era digital, aliás, o mundo acabou se transformando em uma aldeia tão pequena, onde as barreiras entre diferentes culturas são tão mínimas, que as oportunidades e possibilidades de crescimento intelectual são simplesmente maiores do que em nossa época.

O inverso também é verdadeiro: por meio do próprio modelo de autopublicação, pessoas de todo o país e do mundo podem ter contato com culturas e formas de pensar diferentes, ricas, densas.

Livros são inegavelmente incríveis – mas a quebra de barreiras entre escritores e leitores é algo ainda mais fenomenal.

Ricardo Almeida.

Você conhece o modelo de kickstarting?

Já faz algum tempo que o mundo todo tem se voltado para o modelo de kickstarting – uma espécie de busca por apoio financeiro junto à comunidade de internautas e que, em muitos casos, viabiliza lançamentos de livros e carreiras como um todo.

Estamos começando a desenhar uma parceria aqui no Clube com a Kickante, uma das empresas brasileiras que mais tem se destacado nesse sentido. A ideia é viabilizar um apoio gratuito a escritores que buscam financiamento para tiragens maiores, eventos de lançamento ou coisas do gênero aqui no Clube. Mas, antes de fechar os próprios termos do que pode ser oferecido, preferimos perguntar aos próprios autores.

O que você acha? Que tipo de apoio você acharia importante no marketing do seu livro – principalmente considerando como resultante o levantamento de fundos dentro da comunidade de leitores (seja via pre-venda ou mesmo doação)? Escreva aqui nos comentários do blog e nos ajude a formar a base de uma parceria que pode ser muito, muito proveitosa!

Só faço um pedido: quanto mais específico for, mais fácil será entendermos e aplicarmos a ideia :-)

Ricardo Almeida.

Janeiro tem promoção ampliada no Clube!

Sim, nós praticamente acabamos de sair de uma semana de promoção. Mas estamos no começo de ano e, em meio a tantas notícias ruins com crise de água, energia faltando, inflação subindo e impostos crescendo, nada como uma boa ampliação no período promocional para aliviar o estresse :-)

Vamos começar a comemorar com uma promoção relâmpago? De hoje, 21, até a segunda, dia 36, todos os impressos estarão com até 20% de desconto!

Vamos às regras:

1) Todas as obras impressas publicadas no Clube já estão incluídas na promoção;

2) Os descontos variam de acordo com a paginação de cada obra (sendo, portanto, diferente para cada uma);

3) Os descontos não abrangem os direitos autorais. Ou seja: independentemente do montante cortado no preço, os direitos autorais permanecem rigorosamente os mesmos e os autores não serão prejudicados em nenhum aspecto. Caso queiram ampliar as quedas de preço no período mexendo nos direitos autorais, os próprios autores deverão fazê-lo indo a Sua Conta > Livros Publicados, clicando em “gerenciar” e em “editar direito autoral”.

4) O desconto durará até o final do dia 26.

Boas vendas!