Quer inspiração para escrever? Leia.

Ser um bom leitor é essencial para se ser um bom escritor

Se você acessa acessa o nosso blog com alguma frequência, já percebeu que costumamos martelar constantemente a tese de que ser um bom leitor é fundamental para que se seja também um bom escritor.

E isso até pode parecer óbvio aos olhos de muitos – mas há uma inacreditável quantidade de autores que acredita que para escrever basta escrever – ignorando qualquer tipo de inspiração que possa vir das letras alheias.

E, por mais que sempre acreditemos que “inspiração” é algo essencialmente individual e que pode brotar de diversas maneiras, “não ler” nos parece também um contrasenso. Como, afinal, se pode mergulhar nas vibrações e nas mentes de leitores, cujas mentes foram já moldadas – no sentido positivo do termo – por dezenas ou centenas de obras literárias?

Como perceber as sutilezas do raciocínio sem o repertório que vem das palavras de gênios como Machado de Assis, Kafka, Saramago, Hemingway?

É possível escrever sem ler? Certamente. Mas que a leitura é um combustível fantástico para uma escrita mais sofisticada, coerente e, sobretudo, impactante, isso também dificilmente se discute.

Ou, como diria Francis Bacon: “A leitura faz do homem um ser completo; a conversa faz dele um ser preparado; a escrita o torna preciso.”

Concorda? Então veja também este post sobre como ter ideias para escrever um livro.

Ou, se já as teve, veja aqui algumas dicas sobre como escrever ou outras sobre como lançar o seu livro sem burocracia!

8 comentários em “Quer inspiração para escrever? Leia.

  1. Em 2003 lancei um livro aqui em Petrolina/PE intitulado “Muito Mais…”, agora lancei a 2ª edição, sem revisão, via internet, apenas mudando o título para “Muito Mais… O Viagra Empresarial”, o qual apresento a todos, através do link abaixo. A receita total do livro foi revertida na ocasião para construção do hospital do câncer de Petrolina.

    Peço que leia e me passe suas observações, críticas, ideias, a fim de que eu possa evoluir com os temas discutidos, pois estou com um novo projeto de lançar um livro nacionalmente, sobre os aspectos do empreendedorismo.

    Ouvindo ou lendo de cada um colaborador como você, posso escrever sobre o tema, atendendo as expectativas do público em geral: estudantes, empresários, funcionários públicos ou da iniciativa privada, futuros empresários, etc., e dessa forma, o livro terá tudo para ser um best seller.

    Colabore, por gentileza!

    http://clubedeautores.com.br/books/search?utf8=%E2%9C%93&where=books&what=sandro+patricio&sort=&topic_id=

    Sandro Patrício

  2. Ler é fundamental.
    Li na minha infância. Li na juventude. Li na maturidade, e quero continuar lendo ao longo da minha velhice, na qual estou adentrando.
    Não, você não está me entendendo. Não sou uma leitora comum.
    Sou uma leitora, que se alimenta da magia das palavras. Palavras que os mais variados autores grafam nas páginas em branco.
    Li, de tudo, um pouco. Tenho as minhas preferências… Só o que posso dizer é: Escrevo graças aos que vieram antes de mim.
    Assim sendo, leia. É enriquecedor.

  3. Sou um criador de historias.Tenho varios argumentos e gostaria de negociá-los.Isso é possivel? Entro em contato com quem? No momento estou iniciando uma nova programação onde pretendo escrever mais ou menos dez argumentos para serie e minisserie.

  4. Bom Dia!
    Estou de pleno acordo, penso em escrever cada vez melhor, criar novos poemas, isso levá-me ao cenário de outros autores, de suas habilidades com as palavras, com a motivação para criar. Portanto, quem deseja escrever, precisa de muita leitura, podendo ser do mesmo gênero da sua preferência ao escrever.
    Boa leitura a todos que tem como ofício escrever.

Deixe uma resposta para Marcos Mendes Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *