5 dicas para organizar o seu evento de lançamento de livro

Qual o lugar ideal para realizar o seu evento de lançamento de livro?

Para novos autores, o evento de lançamento é um dos momentos mais importantes de suas carreiras. Lá consegue-se reunir amigos e leitores em potencial em torno da sua obra, dando uma espécie de ignição nas vendas.

Quem nos acompanha aqui sabe que temos apostado bastante em lançamentos virtuais – que, de fato, apresentam resultados interessantes (principalmente, claro, quando bem divulgados). Isso sem falar no benefício de ser algo completamente gratuito e acessível – o que sempre ajuda.

Mas nada se iguala a um lançamento físico, rico tanto em pompa quanto em resultados.

A grande questão é: até que ponto vale a pena investir em um local para lançar o seu livro?

A boa notícia é que nem sempre isso é necessário. Aliás, dependendo da habilidade de negociação do autor, isso quase sempre pode sair de graça. Como? Compilamos algumas sugestões com base em eventos feitos por autores daqui do Clube. Confira abaixo:

Centros Culturais

Todas as grandes cidades tem algum tipo de centro cultural, por vezes funcionando com verbas públicas e destinado à divulgação da cultura. Uma rápida busca no Google (ou mesmo ligação para os canais corretos na prefeitura ou secretaria da cultura/ educação) certamente gerará uma lista, mesmo que pequena, de opções.  Basta ligar para os locais e negociar o evento que, em grande parte, pode sair gratuito.

Cafés e restaurantes

Locais como esses vivem de fluxo de gente – de clientes que consomem e que deixam nos caixas dos estabelecimentos os seus sustentos. E um evento de lançamento de livros trará exatamente isso: gente. Assim, localize alguns desses locais e negocie com os seus proprietários. É possível que você não consiga bancar o coquetel em si para os seus convidados – mas não há nenhum pecado em fazer cada um pagar pelo que consumir.

Livrarias

Essas também vivem de gente – claro. Afinal, enquanto os seus convidados estiverem circulando e conversando com amigos no seu evento, eles também estarão olhando (e, possivelmente, comprando) outros títulos. Boa parte das livrarias não cobra nada pelo evento de lançamento – e ainda banca o coquetel. Da mesma forma que com bares, cabe a você escolher algumas livrarias, ligar e negociar o evento em si.

Vale uma observação importante aqui: a maior parte das livrarias exige que seu livro tenha o registro do ISBN para viabilizar o lançamento. Essa é uma recomendação importante que reforçamos pois, com o ISBN, seu livro publicado aqui no Clube de Autores poderá ser vendido em uma vasta gama de livrarias como Cultura, Estante Virtual, Amazon etc. Para facilitar a sua vida, temos este post aqui com o passo-a-passo para fazer o registro do ISBN.

Eventos do setor

Aplicável principalmente (mas não exclusivamente) para livros mais técnicos, você pode negociar com a organização de eventos a realização de seu lançamento lá. Se o livro tiver a ver com o tema, o evento em si sairá ganhando, pois aumentará o fluxo de pessoas e ainda poderá sair como apoiador da sua obra.

Em sua própria casa

É fato que um lançamento em sua casa provavelmente se restringirá ao seu círculo de amigos. Todavia, essa reunião continua sendo caracterizada como um evento e será uma forma de começar a espalhar pelos quatro cantos que você está lançando um livro seu. Esses pequenos encontros, simples e baratos de organizar, podem ser o pontapé inicial na sua carreira de escritor.

Organizar um evento de lançamento pede a criatividade para se conseguir economizar e, ao mesmo tempo, alcançar resultados positivos. Mas se você já teve a criatividade suficiente para escrever um livro, isso certamente não será um problema!

Quer saber mais?

Ainda está cedo para pensar no evento em si? Então confira esses outros conteúdos que certamente poderão ser úteis a você: 

Se ainda não tem o livro escrito e precisar de um modelo, veja os templates que temos disponíveis aqui.

Se precisar de informações mais detalhadas sobre o lançamento do livro (indo muito além do evento), acesse este post aqui.

Se quiser saber como divulgar o seu livro, baixe nosso guia aqui.

Leia Mais

Preços do Clube baixam 10% a partir de junho

Notícia sempre muito positiva para todos os amantes da literatura – sejam leitores ou autores: a partir de junho, todos os preços do Clube, tanto de impressos quanto de ebooks, ficaram 10% mais baixos!

Essa conquista foi resultado de duas coisas: uma nova rodada de negociação com os fornecedores, viabilizada por conta do crescimento no volume geral de vendas, e uma readequação tributária. O que isso significa: Apenas para dar um exemplo, que livros de cerca de R$ 20,00 já aparecem no site com o valor de R$ 18,00 – e isso sempre sem alterar absolutamente nada nos direitos autorais, claro.

A todos os autores, desejamos boas vendas e muito sucesso! E aguardem: semana que vem teremos mais novidades para contar!!!

Leia Mais

Destaque da semana: Análise Matemática no Século XIX

Essa semana, o destaque aborda um dos assuntos mais diferentes que já observamos aqui no Clube – uma espécie de mescla entre história e matemática, sendo a primeira utilizada como maneira de análise para melhor se compreender a segunda.

Não é à toa que uma obra como essa, escrita pelos professores Rosa Lúcia Sverzut Baroni e Sílvio César Otero-Garcia, tenha logo chamado a atenção dos usuários e ido parar no topo da lista de recomendações da semana! Veja a sinopse:

A disciplina de análise, oferecida em cursos de graduação em matemática, é, em geral, tida como geradora de grande ansiedade nos alunos. O formalismo e abstração presentes em sua estrutura causa forte impacto e o índice de reprovação costuma ser alto. Diante desse diagnóstico, pretendemos apresentar alguns aspectos históricos da análise de forma a construir subsídios que possam colaborar com o aluno e com o professor para uma compreensão mais profunda dos conceitos que fazem parte dessa disciplina. Isso será feito no contexto do movimento chamado de aritmetização da análise. Outro fator que consideramos relevante para essa proposta é a escassez de material em língua portuguesa que trata desse assunto.

Se interessou? Então aproveite para acessar a página do livro clicando aqui ou diretamente no link http://clubedeautores.com.br/book/143384–Analise_Matematica_no_Seculo_XIX e boa leitura!!!

Leia Mais

Destaque da semana: Blackout, de Maura Maciel

Que tal um bom livro de contos – daqueles dramáticos, quase superlativos, para pintar a semana com a emoção que todo leitor precisa sentir em suas páginas?

A indicação da semana por parte da comunidade do Clube de Autores vai justamente nessa linha, recomendando Blackout, de Maura Maciel.

A sinopse já destaca um depoimento no mínimo empolgante:

“Li BLACKOUT e me encantei do primeiro ao último conto. Contos ou romance? Dá na mesma – essa trama de diferentes universos, os personagens se interligando, cada um no seu contexto dramático. A obsessão de Ramon; a acidez e a delicadeza de Nino; o Felipe, com sua candura, e depois o deslumbramento na descoberta da sexualidade; Ondina com a coragem das meninas-crianças, encurralada na promiscuidade da miséria. Adorei, principalmente, Dolores e Isadora. Baitas de personagens, contos antológicos. De resto, gostei de todos, cada um com sua mensagem e seu recado. Achei o título de uma grande felicidade: o pretume da vida redimindo as pessoas. E os jogos de palavras no final de cada conto foi obra de grande inspiração. Maura Maciel lida muito bem com o texto, mas não é daqueles escritores que só sabem lidar bem com texto: sabe também contar uma bela história, de maneira instigante e comovedora.” Ronaldo Guimarães, professor

Quer comprar, aproveitando ainda a promoção do Clube que vai até o dia 14? Então clique aqui, na imagem abaixo ou acesse diretamente o link http://clubedeautores.com.br/book/142076–Blackout

Leia Mais

Sabe quantos ebooks foram vendidos no Brasil?

1,4 milhão – apenas nos últimos 6 meses, diga-se de passagem, de acordo com matéria publicada no Olhar Digital, do UOL. Os dados referem-se ao período de junho a novembro de 2012 e traçam um gráfico mês a mês.

O curioso é que o crescimento não é exatamente linear, mas sim feito por picos e vales em um cenário que se desenha, tipicamente, quando há embates quase que ideológicos entre tecnologias e curvas de adoção. Veja abaixo:

Aqui, no Clube, estamos notando um avanço nítido de ebooks – o que não significa, necessariamente, um declínio do livro impresso. Na prática, há um inquestionável aumento de vendas de livros eletrônicos, mas, desde que o Clube começou, as vendas de impressos nunca pararam de crescer.

A conclusão que se pode tirar com isso chega a ser óbvia: o gosto por livros é que tem crescido no país como um todo, sendo que a diversificação em formatos só tem ajudado a contribuir. Para autores, fica o conselho que sempre demos, em todos os momentos: publique o seu livro em todos os formatos possíveis. Afinal, o que interessa é que você seja lido – e não que seja lido apenas em formato físico ou eletrônico… certo?

Leia Mais