Ventos para Areia Branca vence o V Prêmio Clube de Autores de Literatura Contemporânea

A votação não foi nada fácil – mas, depois de alguns dias de MUITA leitura e análise, o brilhante Ventos para Areia Branca, de Carlos Tourinho de Abreu, ganhou o V Prêmio Clube de Autores de Literatura Contemporânea. O estilo da história, que envolve uma época de grandes migrações europeias, o estilo de saga e o percurso narrativo que envolve doses de drama, aventura e nostalgia marcam esse romance que, na opinião dos jurados, é leitura obrigatória para todos que amam literatura.

Confira a sinopse abaixo:

**

Há um oceano que separa o presente e o passado da velha Chica. Muito embora tenha vivido exatas nove décadas, a senhora de olhos azuis ainda se recorda, mesmo que vagamente, do semblante da sua misteriosa mãe. No calor escaldante do sertão da Bahia, ninguém nunca soube muito bem de onde veio aquela moça de expressão triste. Só desconfiavam que a estrangeira teria migrado de longe – lá da Itália, Alemanha ou França – mas, ninguém nunca chegou a entender bem o que ela dizia para saber ao certo. O passado sempre foi uma incógnita para Chica e foram tantas as noites perdidas refletindo sobre as suas desilusões, perdas, lutas e conquistas. O amor pela leitura ajudava a atenuar a crueldade impelida pela insônia.

Já Zé Maurício, neto de Chica – também tratado pela avó por Neno –, é um homem que foge do passado. O jovem, que em certa altura experimentou o gosto ambíguo da riqueza, persevera em uma incansável busca por um futuro melhor – pela tão sonhada liberdade. Após anos de ausência, o seu caminho cruza novamente o da sua querida avó, justamente em um momento de tamanha vulnerabilidade para ambos. Por ironia do destino, Zé Maurício faz Chica deparar de forma avassaladora com o longínquo passado da sua própria família – desde os tempos em que ela fora adotada por abastados latifundiários, após a trágica morte da sua mãe. Lágrimas rolam dos olhos azuis da velha Chica ao lembrar do seu início servil, tão cheio de dúvidas e decepções.

 

Ventos para Areia Branca é uma saga que trata de laços de família ainda atados nos árduos tempos das grandes migrações européias do fim do Século XIX. Através das narrativas de avó e neto, duas gerações se encontram e tentam desvendar os mistérios das suas origens – europeias e indígenas – tão sofridas e comuns à grande maioria da população brasileira. Ao fim desta leitura, ficará claro que o oceano que nos separa não é tão extenso assim.

**

Para conhecer melhor o livro, clique no link https://www.clubedeautores.com.br/book/163914–Ventos_para_Areia_Branca?topic=literaturanacional#.VA8kR2RdW5Q

Com isso, encerramos o prêmio parabenizando o autor, Carlos Tourinho de Abreu, com quem já estamos entrando em contato para combinar a entrega do prêmio, e todos os demais finalistas pela fantástica participação. Mais uma vez, organizar e acompanhar este prêmio foi algo que gerou um orgulho intenso em todos aqui do Clube!

E, como prometido, estamos também abrindo toda a planilha detalhada de resultados. Basta clicar aqui para acessá-la.

Assine a Nossa Newsletter

19 comentários em “Ventos para Areia Branca vence o V Prêmio Clube de Autores de Literatura Contemporânea

  1. Cadê o selo prometido aos finalistas? Quando foi divulgado o resultado da primeira fase, foi dito que até o final daquele mesmo dia os finalistas receberiam o tal selo. Isso foi em 27/08 e até hoje 11/09, já com o vencedor declarado, nem sinal ou satisfação de quando os finalistas receberão esse selo.

  2. Parabéns, Carlos Tourinho de Abreu. Um trabalho como Ventos para Areia Branca merece mesmo ser premiado. Valeu muito participar, pois conheci ótimos autores e suas obras aqui. Parabéns a todos. Pretendo conhecer melhor o trabalho de cada um dos finalistas. Agradeço de coração a todos que perderam um tempinho votando no livro As Quatro Cartas de Camila. Até o próximo. Abraços.

  3. Olá amigos do Clube de Autores! Fico imensamente feliz com a notícia! Aproveito para parabenizar os outros 9 finalistas, e as suas belas obras. Somos todos vencedores! Todos nós sabemos o quão difícil é obter qualquer tipo de reconhecimento para o nosso trabalho de escritor no nosso país. De modo que, só tenho a agradecer e parabenizar a iniciativa do Clube de Autores! Fica o sonho de que outros canais também passem a valorizar mais a literatura nacional!

    Abraço a todos,

    Carlos Tourinho de Abreu

  4. Parabéns Carlos!!! Sua obra já é um sucesso!

    Aproveirto a oportunidade para perguntar ao Clube sobre o Selo de Finalista para os dez livros. Quando que este Selo será disponibilizado? Este Selo aparecerá também no Clubinho e no AgBook?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *