livro de receitas

Como escrever um livro de receitas

Quantas vezes você já teve que passar a receita daquele molho que todo mundo adora quando vai na sua casa? Ou quantas vezes teve que pedir para algum parente te lembrar como era a famosa sopa da sua avó? Se você tem um caderninho de família escrito à mão, é uma pessoa que conhece muitas receitas deliciosas ou que precisa uní-las em algum lugar para poder cozinhar, certamente já pensou em escrever um livro com foco em culinária. Quer saber como fazer? A gente te ajuda:

Escolha um público

Existem muitos livros de receitas e o que vai diferenciar a sua obra das outras é a maneira como você vai atrair o seu público. Você pode focar em algum tipo de alimento específico e fazer “receitas com carne de porco”, “doces à base de creme de avelã” e “20 risotos para saborear” ou investir em um perfil para direcionar suas receitas como celíacos, diabéticos, veganos etc. Que tal receitas para jantar a dois? Ou dicas práticas para o dia a dia de quem mora sozinho? De repente reunir as receitas da vovó para almoços de domingo em família. Você pode até fazer um livro com receitas para fazer com as crianças ou só de lanchinhos saudáveis para a lancheira da escola.

Capriche nos detalhes da receita

Você não vai colocar todas as receitas que sabe neste livro (que tal fazer um volume dois? três?) mas com certeza irá selecionar as favoritas – para agradar o público. Já pensou fazer um livro e ouvir feedbacks como “a minha receita não deu certo”, “meu prato não ficou assim” etc.? Desagradável. Para evitar que este problema aconteça, revise todos os detalhes na hora de escrever o passo a passo. O que parece óbvio pra você pode não fazer sentido para quem não é familiarizado com o ambiente da cozinha. Isso significa que é importante ressaltar como untar uma forma, qual a quantidade de óleo para fritar determinado alimento, a temperatura do forno, se é preciso colocar o macarrão pra escorrer ou passar água fria para ele parar de cozinhar, entre outros truques. Eles parecem simples mas podem arruinar uma receita se não forem feitos corretamente. 

ovos livro de receitas

Invista nas imagens

Esse é um dos pontos principais da sua receita, afinal, a expressão “comer com os olhos” não foi criada à toa. Pense no que você sente quando vê uma foto bonita no cardápio de um restaurante… dá vontade de comer? É este sentimento que a foto da sua receita precisa despertar nos leitores. Recomendamos que você tire um dia (ou vários) para produzir as receitas que pretende incluir no livro e faça uma sessão de fotos com um profissional. Acredite, ele tem a expertise para deixar o prato ainda mais apetitoso, seja com truques de iluminação ou outras técnicas. Aproveite o momento para tirar fotos para as redes sociais também, este será um ótimo conteúdo para divulgar após o lançamento do seu livro. 

A imagem da capa precisa ser de dar água na boca! Um prato bonito, bem apresentado e com cara de saboroso. É ele quem vai chamar a atenção e se destacar entre os outros livros das prateleiras. 

Como escrever

Você não precisa de nenhum programa rebuscado para escrever o seu livro de receitas. O bom e velho Windows Word dá conta do recado muito bem. Nele você consegue organizar um índice, usar alguns templates prontos, incluir imagens, inserir referências e muito mais. Escolha as receitas que deseja compartilhar, siga os passos sugeridos anteriormente, depois é só revisar e publicar no Clube de Autores.

Gostou das dicas? Então inspire-se nos mais de 500 livros de culinária publicados aqui no Clube e escreva o seu também!

Leia Mais

Uma viagem pela culinária indiana

Não é de hoje que a culinária oriental vem atraindo a atenção de estômagos e paladares dos brasileiros. De alguns anos para cá, uma grande quantidade de restaurantes japoneses, chineses, tailandeses e indianos invadiu as principais cidades brasileiras e fez delas alguns dos maiores e mais cosmopolitas centros gastronômicos do mundo.

Em suas cozinhas, chefs adaptam temperos para os ingredientes e gostos locais e, com isso, vão obtendo sucessos nos mais diferentes níveis.

Esta invasão já começou a chegar aqui no Clube, com destaque para a autora Christina Bastos Tigre. Só que, no caso dela, com um ingrediente a mais: a base de toda a obra é feita de pesquisas e viagens à India, trazendo para as mesas dos leitores sabores originais dos mais diversos pratos.

Segundo a sinopse da obra:

Elaborado a partir de muitas pesquisas, viagens pela Índia e
experiências na cozinha testando receitas, este livro contém uma série
de pratos leves, sem muita gordura, fáceis e rápidos de preparar.
Os condimentos e especiarias mais usados na Índia e facilmente
encontrados no nosso país são: cravo, canela, folhas de louro,
pimenta-do-reino, cominho, coentro, açafrão da terra, erva doce e
sementes de mostarda.
De acordo com textos ayurvédicos, as ervas e especiarias têm o poder de
suavizar, esfriar ou esquentar o corpo. A pimenta-do-reino, por exemplo,
é considerado um excelente vermífugo e aumenta o fogo digestivo.
Muitos pratos na Índia levam açúcar e as receitas oferecem a opção de
adoçantes dietéticos.

Ficou com fome? Então conheça mais detalhes clicando aqui ou acessando diretamente o endereço http://clubedeautores.com.br/book/18792–A_India_e_seus_sabores

Leia Mais