Os bons velhos tempos (que graças a Deus já se foram)

Na semana passada participei de um evento que, de alguma maneira não planejada, acabou enveredando para uma discussão sobre o mundo online versus o mundo offline.

Tenho pavor de discussões assim. Sempre tive.

Para mim, sequer considerar que há um mundo online que se contraponha a um mundo offline é uma excrescência. Ainda assim, o evento seguiu com pessoas dizendo que o mundo estava perdido, que o apocalipse poderia ser definido pelo excesso de conexões superficiais e pela carência de relações reais, que um post jamais substituiria um “cafezinho” e coisas do gênero. Argh.

Quem me conhece sabe que comentários assim chegam a me dar ânsia de vômito: são como tentar, a todo custo, se segurar a um passado que, como a própria palavra sugere, já passou.

O tempo caminha para a frente e, se quisermos nos manter vivos, ativos e relevantes, temos apenas uma alternativa: caminhar junto com ele.

Como? Deixando preguiça e preconceito de lado, aprendendo o que não sabemos e aproveitando todo esse universo de possibilidades que, pela primeira vez na história da humanidade, está aí, à disposição de todos. Afinal, se o mundo mudou tanto, foi porque nós, os humanos, impusemos essas mudanças; e se o mundo não está voltando a ser o que era, é também porque nós, enquanto comunidade global, preferimos continuar evoluindo.

Nesse mesmo evento acabei conversando com um autor daqui do Clube. Do alto dos seus 67 anos ele me contou que, ano passado, depois de incontáveis negativas de editoras tradicionais, decidiu publicar seu livro conosco. Como não sabia exatamente como já que intimidade tecnológica não era seu forte, pediu ajuda ao filho.

Depois de duas semanas, colocou o livro no ar. Aprendeu a usar o Facebook. Navegou pela infinidade de conteúdo sobre como se divulgar e testou o que pôde. Fez algumas ações de sucesso e outras de fracasso, mas seguiu tentando. Organizou um lançamento em uma livraria, fez promoções especiais, cativou um público fiel nas Internet. Um ano se passou e, hoje, ele está chegando perto dos mil exemplares vendidos – um número impressionante para um país como o nosso. Aliás, um número impressionante para qualquer país.

O que ele disse sobre toda essa discussão que se desenrolava no evento? Que não entendia a lógica, o motivo de ser dela. Afinal, imbuído do único desejo de contar a sua história, ele foi ao online descobrir uma solução que jamais existiria no mundo analógico, aprendeu a cativar uma audiência própria, feita de pessoas reais, conseguiu vender e, no processo, fez amigos que dificilmente cruzariam o seu caminho se ele se mantivesse apenas acomodado em um sofá velho reclamando da modernidade.

Sua conclusão? Só há uma maneira de viver hoje e ela não é nem online e nem offline: é onlife.

Nas palavras dele: “prenda-se ao passado e o máximo que você conseguirá publicar será a sua própria lápide”.

f_3a0b58aa4a

Leia Mais

Participe do 1o Congresso Online e Gratuito de Escrita Criativa

Sim, todos somos escritores. Sim, temos uma óbvia paixão por literatura e, provavelmente, o tanto que lemos certamente tem impacto na maneira que escrevemos.

Mas isso não significa, claro, que saibamos tudo. Ninguém nunca sabe e a troca de conhecimento continua sendo fundamental para a nossa própria sobrevivência como escritores e artistas. É aqui que entra a boa notícia: um congresso online e gratuito sobre escrita criativa que acontecerá no mês que vem, entre 9 e 15 de novembro!

Veja o vídeo abaixo falando sobre o Congresso e, para mais informações, acesse o link http://www.clec.vc/

Leia Mais

Universidade do Autor: O evento de lançamento

Um livro é um marco. Seja para o autor, que inicia um novo capítulo em sua vida literária, ou seja para o público leitor, que passa a ter à disposição páginas e mais páginas para mergulhar.

E marcos devem sempre ser comemorados, alardeados. É fundamental que todos saibam que um novo livro chegou e que está ao alcance, com novas histórias, experiências ou narrativas que potencialmente mudarão a forma de pensar de muita gente. E isso não é novidade: não há hoje nenhuma grande obra de arte que não tenha passado por um evento de lançamento para marcar a sua chegada ao mercado como um todo.

Resta saber como organizar, gastando o mínimo possível de dinheiro e atraindo o máximo possível de pessoas. Esse é o tema da terceira aula da Universidade do Autor que você pode acessar clicando aqui ou na imagem abaixo:

Leia Mais

Como o Pensática entrará no Clube

Por enquanto, o Pensática está colocado apenas como novo conceito – mesmo porque ainda estamos testando uma série de coisas e fazendo pequenos ajustes. Mas, claro, o seu futuro é ser posicionado como o leitor online oficial do Clube.

Ou seja: nos próximos dias, o link do Pensática já deverá aparecer vinculado a todas as compras de ebook. Ou seja: ao invés do destaque para o download do arquivo, o usuário poderá acessá-lo diretamente, online. Mais simples e prático.

Com o tempo, a própria opção de download deve começar a perder espaço até sumir de vez. Isso ainda está sendo discutido aqui (pois há os que defendem ferrenhamente a posse dos arquivos) – mas a melhor maneira de descobrir será na prática.

O tempo para isso tudo? Aproximadamente 2 meses, que é o que precisaremos para arredondar algumas arestas (e que comentaremos no próximo post) :-)

Leia Mais

3 vantagens do Pensática para autores e leitores

Quem tem o hábito de ler o blog ou o nosso Facebook certamente já viu o Pensática, novo projeto do Clube. Pois bem: passamos algum tempo trabalhando nele para criar uma versão mais amigável para os usuários por alguns motivos – destacando a possibilidade de se ler os livros de maneira mais fácil, prática.

Lançamos, na noite da segunda, uma versão (ainda beta) mais aprimorada, que já tem todos os livros do Clube inseridos (exceto pelos que tem ebooks em versões EPub). Ou seja: se seu livro está à venda em formato ebook (e com arquivo do tipo PDF), ele aparece lá no Pensática, sendo atualizado online a cada mudança que você fizer no arquivo.

Sim, sabemos: é necessário fazer uma integração com EPub também, mas estamos trabalhando nisso.

Nesse momento, a grande vantagem para todos os leitores e autores é que os livros comprados (ou escritos) por eles já estarão lá, bastando que busque. E isso significa que você poderá não apenas complementar a árvore de referências do livro, mas também lê-lo online.

Ler o livro no Pensática tem algumas vantagens muito, muito importantes:

1) O livro é “transmitido” via streaming, online. Isso significa que o arquivo não fica com o leitor e que ele o acessa apenas enquanto estiver lendo. Se o arquivo não está na mão do leitor, a dificuldade em pirateá-lo é gigante.

2) O livro estará sempre com você. Comprou? então é só acessar via Pensática a partir de qualquer local (computador, smartphone, tablet etc.). O Pensática é multiplataforma, bastando que você acesse com o mesmo email e senha cadastrado no Clube de Autores para visualizar e entrar em toda a sua biblioteca.

3) Histórico. Começou a ler e parou em um ponto? Da próxima vez que acessar, o livro já aparecerá exatamente no ponto em que parou.

Há ainda uma série de outras vantagens e itens nos quais estamos trabalhando, mas você já pode acessar e conferir a sua biblioteca online. Todos os ebooks que tiver escrito e/ ou comprado (desde que estejam em formato PDF) estarão lá te esperando.

Leia Mais