O triste hábito de reclamar demais e pensar de menos, parte 2

Segunda frase da série a ser desconstruída: “livro é caro demais”.

É mesmo?

Você realmente acredita nisso ou apenas repete a frase como se ela fosse uma verdade incontestável?

Bom… só há como se dizer que algo é caro quando fazemos algum tipo de comparação.

Em média, um livro custa R$ 39,77 no Brasil. R$ 39,77. Se um brasileiro médio lê 2 livros por ano, isso significa R$ 79,54 gastos em literatura. No ano.

Mesmo se fôssemos franceses e lêssemos 10 livros por ano, isso iria para R$ 397,70. Por ano.

É muito dinheiro? Mesmo? Por um ano inteiro de histórias e mergulhos em mundos fantásticos, enriquecendo nossa própria educação e cultura?

Sabe quanto um brasileiro médio costuma gastar com entretenimento e lazer, segunda uma pesquisa do SPC? R$ 389 por mês – ou R$ 4.668 por ano. O que isso inclui? Restaurantes, bares, cinemas e coisas do gênero. Mesmo se dobrássemos nossa média de leitura, não chegaríamos nem nos 4% do gasto anual com entretenimento. 4%.

A questão aqui é outra: quem repete que livro é caro o faz simplesmente por não ter a leitura como prioridade mínima – e aí prefere culpar o mercado e a economia ao invés de pensar mais racionalmente e consumir algo que agregará muito mais valor que um almoço ou jantar no restaurante novo que abriu na esquina.

Leia Mais