Quanto custa publicar um livro?

Escreveu um livro e não sabe quanto deve investir na sua publicação?

Antes de mais nada, vale abrir aqui com duas informações de suma importância:

  1. Não mantenha altas as esperanças de encontrar alguma editora que aceite bancar a publicação inteira do seu livro. Também não leve isso para o lado pessoal: hoje, exceto se você já for uma personalidade consagrada e famosa, praticamente nenhuma editora do país investe o que deveria investir. Na melhor das hipóteses, aliás, elas propõem uma espécie de “divisão de investimentos” (assim, entre aspas mesmos): você paga tudo e ela presta os serviços editoriais convencionais (capa, revisão etc.).
  2. Considerando o primeiro ponto acima, não ignore todo o trabalho necessário para se publicar um livro e publique-o sem se dar ao trabalho de garantir um acabamento perfeito. Livros devem ser vistos como produtos convencionais: se eles não forem bem trabalhados, dificilmente venderão.

Como você, autor, deve se preparar para lançar o seu livro?

O primeiro (e mais importante) ponto é ter claro para si que você não é apenas o autor, mas sim o empresário do seu próprio livro. Sabe aquelas ideias românticas de que basta escrever e esperar a ajuda de alguma entidade ou agente especialista no mercado que faça todo o trabalho de formiguinha para você? Esqueça: isso não existe mais em nossos tempos.

Tudo, absolutamente tudo relacionado ao sucesso do seu livro – algo que vai MUITO além do texto em si – dependerá diretamente de você.

Dará trabalho? Sim, sem dúvidas. Muito trabalho. O mercado editorial é o mais difícil e concorrido de todos, algo que já repetimos inúmeras vezes aqui. E nem adianta reclamar dizendo que isso é coisa de Brasil e que no primeiro mundo tudo é mais fácil, porque não é. Essa realidade literária é rigorosamente a mesma no Brasil, nos Estados Unidos, na Finlânda ou em qualquer outro lugar. Corrijo-me, aliás: a nossa realidade é, em verdade, melhor e mais fácil do que na imensa maioria desses países.

Deixemos, portanto, a ladainha de lado e foquemo-nos no que precisamos fazer.

Quais opções você, autor, tem em mãos?

Duas, essencialmente: você pode contratar profissionais especializados nos serviços necessários para a finalização do seu livro ou pode usar e abusar da sua rede de contatos, pedindo os favores certos às pessoas certas para que tudo saia a contento.

Mas não deixe de ter claro para si que há uma série de serviços que precisa ser executado com profissionalismo perfeito. Ou seja: não adiantará nada fazer algo “mais ou menos”. O resultado, tenha certeza, será igualmente “mais ou menos” e, portanto, insuficiente para garantir qualquer resultado minimamente aceitável.

Em outras palavras: você pode contratar os serviços ou garantir que alguém de confiança os faça gratuitamente. Você só não pode ignorá-los e lançar o seu livro sem que ele seja devidamente trabalhado. Acredite em nós: com 40 livros lançados todos os dias aqui no Clube, sabemos com alguma precisão e experiência o que funciona e o que não funciona nesse mercado. “Gambiarras”, “fazer de qualquer jeito”, é algo que decididamente não funciona.

Quais os serviços necessários para a finalização de um livro?

Listaremos, abaixo, todos os serviços tradicionalmente necessários para a publicação de um livro e valores de referência de mercado. Mas ressaltamos: você pode fazer por conta própria (ou por meio de amigos) quase todos, o que garantirá que publique seu livro de maneira gratuita.

Outro ponto importante: vale repetir aqui que os valores que colocaremos abaixo são de referência. Em suas cotações, dependendo tanto do profissional quanto do próprio livro, é possível que consiga orçamentos maiores ou menores que esses abaixo.

Dito isso, vamos a eles:

1. Leitura crítica

Primeira e mais fundamental de todas as etapas, trata-se da seleção de um crítico literário que esmiuce seu texto e critique absolutamente tudo dele, recomendando ajustes gerais na fluidez da narrativa. Veja mais informações sobre a leitura crítica aqui, neste post.

Valor de referência: R$ 500 a R$ 4.000.

2. Revisão

Finalizado o processo de leitura crítica, entra em cena a revisão ortográfica e gramatical. Nem considere a possibilidade de lançar o seu livro sem revisão: u português correto, bem escrito, é fundamental para que seu texto seja sequer considerado pelo leitor.

Valor de referência: R$ 4,00 a R$ 7,00 por lauda (sendo uma lauda composta por 1.200 caracteres). Apenas como referência, um livro de cerca de 200 páginas pode ter algo na casa de 125 laudas – o que gerará um custo de revisão de R$ 500 a R$ 875).

Veja algumas opções re revisores aqui.

3. Capa

A capa é também um elemento fundamental para o sucesso de um livro. Capas vendem: ponto final. Se quiser mais informações sobre como fazer uma capa perfeita, clique aqui. Se quiser uma relação de capistas para que possa contratar online, clique aqui.

Valor de referência: R$ 200 a R$ 600

4. Diagramação

Sabe aqueles livros com fontes minúsculas e praticamente sem margem, do tipo que dá preguiça de sequer começar a ler? Sim, você quer fugir disso. A diagramação é uma etapa gráfica importantíssima que garante uma espécie de conforto visual para o leitor, algo que complementa a experiência de leitura em si.

Valor de referência: R$ 1,5 a R$ 7 por lauda (dependendo principalmente da complexidade). Seguindo o mesmo exemplo que demos para a revisão, um livro de aproximadamente 200 páginas custará algo entre R$ 187,50 e R$ 875.

Veja uma relação de diagramadores que você pode contratar aqui.

5. Conversão para EPub

EPub é o formato de ebook ideal. Por que dizemos “ideal”? Porque voc6e até pode distribuir o seu livro como PDF, mas apenas Google e mais uma meia dúzia de sites o aceitará. Kindle, Apple e muitos outros exigirão que o formato seja EPub, algo que dificilmente pode ser feito com qualidade de maneira automatizada.

Temos, aqui, uma relação de profissionais que fazem este serviço e que podem ser contratados online.

Valores de referência: R$ 50 a R$ 300

6. ISBN

Com o livro devidamente revisado e diagramado e com sua capa pronta, é o momento de fazer o registro de ISBN. Aqui, honestamente, você mesmo consegue fazer tudo sozinho: basta seguir essas instruções aqui.

Valores de referência: o registro é feito diretamente junto à Biblioteca Nacional, cuja tabela de preços pode ser vista aqui. Se for o seu primeiro livro, você precisará se cadastrar como editor-autor, o que ter custará R$ 270,00. A partir daí, cada livro que você quiser registrar te custará R$ 20.

7. Publicação

Isso é de graça, ne? Basta acessar o www.clubedeautores.com.br e seguir as orientações, lembrando que aqui você não precisará comprar nenhuma tiragem mínima e que, dentre outras vantagens, será distribuído gratuitamente para as maiores livrarias do país.

Se tiver dúvidas específicas, veja esse manual de publicação aqui.

No final, quanto custa publicar um livro?

Nunca é demais repetir que você pode conseguir apoio/ ajuda de amigos para todas essas etapas, garantindo custo zero. colocamos, aqui neste post, uma série de links para outros posts com dicas e melhores práticas que devem ser observadas.

Ainda assim, se você quiser contratar profissionais para todas essas etapas, seu livro custará algo entre R$ 1.457,50 a R$ 6.940.

Lembrando, claro, que esses são apenas valores de referência.

E a divulgação?

Isso é um caso à parte – e, normalmente, cabe a próprio autor montar e executar o seu plano de divulgação.

Para isso, temos esse manual daqui com uma série de dicas e melhores práticas que certamente te ajudará.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *