Que tal visitar uma biblioteca perto de você?

Tá… muitos acham que bibliotecas são coisas do passado, ultrapassadas, antiquadas. Não é o meu caso: no mínimo, acho que bibliotecas são o equivalente a igrejas no universo religioso. Me explico: se você é católico ou muçulmano, para ficar apenas em dois exemplos, precisa de uma igreja ou mesquita para exercitar sua fé? A resposta, provavelmente, será não: fé costuma independer de qualquer local físico.

Isso não significa que igrejas e mesquitas sejam desnecessárias: são locais sagrados, com símbolos máximos de fé, com silêncio, com uma aura de meditação que circula por cada pedaço de oxigênio.

Biblioteca é a mesma coisa. Discorda? Dê um pulo na Mário de Andrade, aqui em São Paulo, ou nas outras 6.020 que existem pelo país. Não sabe qual está mais próxima de você? Surpresa :-)

O Ministério da Cultura lançou, recentemente, um mapa completo com todas as 6.021 bibliotecas do país. Acredite: com certeza tem alguma do seu lado que merece uma visita nem que seja para te inspirar e fazer as letras fluírem com maior velocidade e facilidade.

Somos escritores: cultuemos, pois, as letras que nos definem.

Para acessar o mapa clique aqui, na imagem abaixo ou vá diretamente ao link http://bibliotecas.cultura.gov.br/busca/##(global:(enabled:(space:!t),filterEntity:space))

Screen Shot 2015-10-13 at 11.27.56 AM

2 comentários em “Que tal visitar uma biblioteca perto de você?

  1. Parabéns por abordarem o tema Bibliotecas, elas são fundamentais para o acesso a literatura ou qualquer outro tipo de livro. Porem, devemos lembrar, que não se trata somente de uma biblioteca pública Municipal, e sim, o quanto é importante transformar o espaço dela em espaço Sagrado para o leitor em formação. O papel da Biblioteca escolar, é promover a leitura e outras questões culturais através de exposições de temas como fotografia, cinema, enfim, mas a realidade nem sempre é essa. Muitas são espaço de castigo para aluno bagunceiro, muitas resguardam o melhor do acervo em caixas com intuito dos alunos não danificarem o livro, sendo que o adequado é promover palestras de como manusear um livro, como apreciar e respeitar o livro. Enfim, o assunto é bem amplo. O clube de autores é pioneiro na auto publicação, gostaria de ver vocês ajudando a promover a formação do nosso leitor inicial, para se ter um leitor que consome e alimente o mercado editorial, é preciso pensar na base, que forma leitores, porque é essa base que irá preferir comprar ou ganhar um livro, do que um acessório novo qualquer que cai em desuso…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *