Cores de capa aparecem negativadas? Entenda a diferença entre RGB e CMYK

De vez em quando, notamos que alguma capa de livro publicada aqui no Clube aparece com efeito negativado (em cores invertidas). Ao verem seus livros no ar assim, a primeira reação dos autores é de medo: que tipo de impacto ela causará no público? Como será a impressão? E, principalmente, onde está o erro que gerou essa estranheza na tela?

A boa notícia é que evitar isso é bem simples.

Em linhas gerais, há três principalmente três grandes tipos de padrão de cores utilizados em design gráfico: RGB, CMYK e Pantone.

Não vamos nos ater ao Pantone por ser muito pouco usado aqui no Clube: vamos aos dois outros formatos.

RGB é uma sigla para Red (vermelho), Green (verde) e Blue (azul). É um padrão de cores aditivas, obtidas pela decomposição (natural ou artificial) de focos de luz. Elas são utilizadas prioritariamente em monitores porque, basicamente, emitem luz.

O CMYK – Cyan (ciano), Magenta (magenta), Yellow (amarelo) e Black (preto) – é o oposto. As cores são subtrativas, o que significa que o parte das cores que visualizamos vem da luz que não é refletida. É ideal, portanto, para mídias impressas, que não tem focos de luz diretos como monitores.

Aí entra uma dúvida: o que é ideal no caso do Clube? Afinal, as capas são vistas em um monitor – mas impressas em papel!

A resposta é simples: RGB.

Ao utilizar esse padrão de cores para as capas, você garante que elas fiquem perfeitas para visualização dos usuários. Do lado de cá, um tratamento automático é dado sempre que ela vai para impressão, garantindo também que tudo saia perfeitamente bem no papel.

Talvez isso tudo seja grego para a maior parte dos autores – o que não chega a ser um problema uma vez que a maior parte dos software já tem RGB como padrão. Mas, se for contratar serviços de um capista, não esqueça de observar que a arte precisa ser feita sempre em padrão RGB e nunca em CMYK!

4 comentários em “Cores de capa aparecem negativadas? Entenda a diferença entre RGB e CMYK

  1. Oi, a parte de diagramação do livro eu aprendi a fazer bem seguindo as dicas de vocês e pesquisando mais, porém quanto a capa, uma dúvida: se eu colocar a capa em A5 1748 x 2440 (eu mesmo personalizarei a capa em toda a extensão), é preciso que o formato seja RGB ou JPEG?? Antes eu conseguia fazer isso usando JPEG, agora pede pra ser RGB durante o processo; eu utilizo o serviço online http://www.pixlr.com como voces sugerem na Ajuda porque não tenho o Corel Draw, no Paint não salva em RGB. Se puderem dar uma dica, agradeço pois as dicas de vocês sempre são valiosas !

    1. Oi Rogério. JPeg é sóo formato da imagem. Uma imagem em padrão de cores RGB pode ser em JPeg, por exemplo. O que recomendamos, aliás, é exatamente isso: uma imagem emformato JPeg (ou .jpg) com padrão de cores RGB.

  2. Verifiquei na recente publicação de um livro que o texto na contra capa ficou desconfigurado ( não justificado), inclusive com palavras no meio das linhas com traços que estavam separando sílabas no final.

    Quais os cuidados para evitar esse tipo de problema e,ainda, é possível corrigi-lo em livros já publicados?

    1. Oi Francisco. O principal é seguir as instruções na tela, evitando copiar e colar a partir de qualquer ferramenta como o Word. Se escrever diretamente no espaço isso acaba não acontecendo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *