Confira a nossa programação na FLIP! #clubenaflip

Oficina com a metodologia Escrita Total, de Edvaldo Pereira Lima, Oficina de Poesia com Leo Gonçalves, café literário, show de voz e violão, saraus, discussões sobre o livro na era digital, papos sobre o grupo Macaco Pensador e muita, muita troca riquíssima de experiências entre autores independentes de todo o país – ou seja, os que realmente fazem a nossa literatura.

Essa é só uma palhinha do que acontecerá em nossa casa na Flip, entre os dias 4 e 8 de julho, lá em Paraty (Rua do Comércio, 149).

Aos que estiverem por lá, não deixem de nos visitar e de jogar âncora em nossa casa – que é de todos os autores por extensão! E, aos que não estiverem, fica uma promessa sagrada: tentaremos de TUDO para transmitir cada segundo da FLIP via Twitter e Facebook. Aliás, só não garantimos isso por temermos a sofrível conexão de Internet em Paraty, que tem uma infra-estrutura de telecomunicações aparentemente tão antiga quanto os seus casarões ;-)

Esse ano, subimos toda a nossa programação no Facebook, em que você pode acessar clicando na imagem abaixo, aqui ou diretamente no link https://www.facebook.com/cdautores/events .

Se planejar participar de algum evento, aliás, já aproveite e confirme a sua presença por lá! E, claro, vale reforçar que todos os eventos serão gratuitos e abertos a todos – mas privilegiando autores do Clube.

Leia Mais

Estaremos de novo endereço na FLIP! #clubenaflip

Nos últimos dois anos, o Clube participou da FLIP com uma casa bem na entrada do centro histórico, recebendo autores independentes de todo o país para uma troca de ideias e experiências no mínimo enriquecedora.

Esse ano (com o evento acontecendo entre os dias 4 e 8 de julho), temos algumas novidades MUITO bem-vindas :-)

A primeira é sobre a localização: nossa nova casa em Paraty é maior e bem no centro pulsante da FLIP. Aliás… vejam a foto dela aqui e anote já o endereço: Rua do Comércio, 149!

A segunda novidade é com relação a programação. Nesse ano, estamos MUITO mais próximos do circuito Off-Flip e temos uma programação conjunta incrível. Mas, quanto a isso, aguardem o nosso próximo post, na sexta :-)

Finalmente, parte da nossa programação incluirá um lançamento do qual estamos todos MUITO ansiosos: uma nova livraria online, feita por nós e gerida integralmente por um dos grupos de autores mais ativos do Clube, o Macaco Pensador.

Diariamente, já a partir da quarta que vem, postaremos novidades aqui no blog, no Facebook e no Twitter, contando cada detalhe do evento para os que infelizmente não puderem comparecer. E, aos que puderem, fica já declarado o nosso convite: façam da nossa casa uma extensão da de vocês!!

#clubenaflip

Leia Mais

Livro Condenáveis é destacado na Vitrine do Faustão

Não é sempre que um autor independente consegue espaço na grande mídia – principalmente quando estamos falando do período nobre da Globo em pleno domingo. Correto?

Pois bem: no domingo retrasado, o livro Condenáveis, de Leandro Torres, conseguiu essa presença. E com isso, claro, acabou despertando a curiosidade de muitos leitores ;-)

Confira o vídeo abaixo:

Veja também a sinopse do livro:

Ele descobriu que o pai havia sido preso através de um programa de TV. No início, sentiu culpa e vergonha por acreditar ser filho de um criminoso. Depois, raiva e aversão. Tudo o que queria era distância.

Policial civil conhecido pelo combate ao tráfico de drogas, o pai foi acusado de venda de armas e repasse de informações sigilosas a traficantes procurados no Rio de Janeiro. Era a chamada Operação Guilhotina, que ocupou os noticiários nacionais em 2011.

Estudante de Jornalismo, o filho tinha pânico que os colegas de trabalho descobrissem sua ascendência. Nunca pensou em visitar o pai na cadeia ou em telefonar para ele após sua libertação. O filho condenou o pai e, neste livro, explica o porquê.

Se interessou? Então acesse a página do livro clicando aqui ou indo diretamente ao link https://clubedeautores.com.br/book/127839–Condenaveis

Leia Mais

Professor Edvaldo Pereira Lima publica livro de poesias pelo Clube

Edvaldo Pereira Lima é uma das figuras mais importantes no cenário literário brasileiro atual. Educador, pesquisador, escritor e jornalista, professor da Universidade de São Paulo, co-fundador e vice-presidente da Academia Brasileira de Jornalismo Literário – www.abjl.org.br – e autor de diversos livros.

Isso sem contar com o Método Escrita Total, do qual é criador e que concentra técnicas das mais incríveis para se escrever.

Com um currículo desses, uma das dúvidas que frequentemente aparecem é sobre o que passa não na mente de um perfil com esse calibre – mas sim no coração. Afinal, muitas de suas obras tem denso (e riquíssimo) cunho técnico. Pelo menos até agora.

Edvaldo publicou, no começo desse mês, um livro de poesias dedicado à sua falecida esposa aqui no Clube – Poemas para Lucy e Outros Amores Sagrados.

Unindo uma história real de amor, espiritualidade, viagens internacionais e o mundo da escrita, os textos de Poemas Para Lucy e Outros Amores Sagrados compõem homenagem à esposa do autor, falecida em 2011, navegam por territórios da difícil jornada humana rumo à individuação, desembocam em considerações sociais sobre o Brasil de hoje.

Poemas biográficos, de um lado, espontâneos, de outro, têm como contexto de fundo questões existenciais que transcendem a história particular do poeta, conduzindo o leitor pelo arco temporal de quase 18 anos de vida amorosa espelhando os prazeres, as dores, os desencontros, os desafios, as alegrias de um longo relacionamento, assim como o confronto inevitável com a morte, temas universais de todos nós. Racional e intuitivo, emocional e intelectual, tocado pela inquietude espiritual, o autor – também professor universitário e jornalista – evita formas e fórmulas rígidas, preferindo seus poemas orgânicos, livres, sem obediência a nenhum formato imposto por modismos externos.

A linha condutora de tudo é o dramático impulso à ampliação de consciência que a vida nos coloca neste complexo momento histórico de transformação individual, social e planetária que vivemos, destaca. Homens e mulheres configuram novos tipos de relacionamentos, os papéis se alteram, os casais são pressionados a vencer modelos antigos e todos nós, coletivamente, vivemos o grande desafio de descobrirmos o sagrado em todas as áreas das nossas vidas, como indivíduos e membros de uma única espécie que configurou uma civilização potencialmente fabulosa, mas em precário estado de sub vivência, completa.

Os poemas da primeira parte refletem essas questões no campo romântico, partindo de tributo ao amor em Além do Possível, passando, entre outros, pelo sugestivo Hula – ondulante como as ondas do Havaí -, visitando em forma bilíngue London Eye (a Roda Gigante/O Olho de Londres) e terminando no tocante Linda, testemunho do final de uma vida humana. Os da segunda navegam por temas espirituais dramáticos – como Armagedon – ou de entrega – Senhor Além da Ponte Nebulosa -, por questões psicológicas do ego e do Self – PoemaSanto -, por viagens de descobertas – Cruzeiro aéreo Caribe e Paisagem -, por considerações quanto aos propósitos superiores de países e nações – América do Meu Jeito e Arábia -, termina num contundente exame da nação e de brasileiros extraordinários do século XXI, o país encharcado, em paradoxo, pelo câncer endêmico da corrupção política, em Brasil.

Jornalistas literários e a artista pop Reba McEntire também são homenageados nessa parte. Na terceira e última, os leitores recebem um bônus surpresa de um texto de terceiros, bastante útil para a alma.

Vale a pena mergulhar na obra. Para quem se interessar, basta clicar aqui ou diretamente no link https://clubedeautores.com.br/book/130224–Poemas_Para_Lucy_e_Outros_Amores_Sagrados – e boa viagem literária!

Leia Mais