Nova tabela de descontos para compras em quantidade no ar!

Desde a semana passada, entrou em vigor uma nova tabela de descontos fruto de uma intensa negociação envolvendo o Clube e os nossos fornecedores. Até então, tínhamos apenas duas faixas de desconto vigorando – uma para usuários que adquiriam de 100 a 199 exemplares e outra para usuários que adquiriam mais de 200 exemplares.

E, apesar dessas faixas incluírem boa parte dos autores, dois grupos grandes eram pouco atendidos: os que precisavam comprar 10 ou 20 exemplares e os que realmente tinham uma demanda por quantidades grandes, de mais de 500 livros.

Bom… o problema está, agora, endereçado.

A nova tabela de descontos por quantidade, já em vigor, inclui os seguintes parâmetros:

– Os descontos variam de acordo com a faixa de páginas do livro, não sendo fixos.
– Para se calcular o desconto exato dos livros, basta inclui-lo no carrinho de compras, alterar a quantidade para a desejada e clicar no botão verde “ok”, que atualizará o preço
– Os descontos não alteram em nada os direitos autorais

Nova tabela:

– Compras de 10 a 99 exemplares: Aproximadamente 10% de desconto
– Compras de 100 a 199 exemplares: Aproximadamente 20% de desconto
– Compras de 200 a 499 exemplares: Aproximadamente 30% e desconto
– Compras a partir de 500 exemplares: Aproximadamente 40% de desconto

Leia Mais

Blog promove autores independentes no Brasil

Você já ouviu falar de um ciclo de leituras focado exclusivamente em autores independentes?

É com esse objetivo que o blog Clube dos Novos Autores se apresenta, abrindo ainda uma porta que pode interessar aos milhares de escritores independentes daqui do Clube de Autores (que, apesar da semelhança no nome, não tem nenhuma relação com a iniciativa).

Há 3 grandes propostas feitas no blog, a serem:

1) Promoção Novos Autores: o escritor interessado em participar deve doar um exemplar do seu livro para o blog que, em seguida, faz e publica uma entrevista com ele. Segundo o blog, há uma audiência de 800 visitantes mensais, o que acaba gerando uma visibilidade muito interessante.

2) Ciclo de leitura: Todos os autores participantes formam um grupo e assumem o compromisso de ler os livros uns dos outros (seja na versão ebook ou impressa). Ou seja: em um grupo de 3 autores, o autor A terá que ler os livros dos autores B e C; e estes, em contrapartida, lerão o livro do autor A. O ciclo se encerra quando todos tiverem lido os livros de todos.

3) Siga e Concorra: Sabe todos os exemplares doados por autores que participarem da primeira promoção que comentamos? Pois é: eles serão sorteados entre os seguidores do Twitter do blog. Esse terceiro ponto é aberto a todos, autores e não autores, justamente para ampliar o público geral da iniciativa.

Gostou das propostas do blog? Então acesse e, caso se identifique com a sua linha editorial e com os demais autores, participe!

O link para o blog é http://drisph.blogspot.com/p/autores.html

Leia Mais

Passeie com poetas cearenses nos 4 mil ônibus de Fortaleza

Você sai de casa apressado, se preocupa com o filho, com o namoro, com a escola, sente que o mundo vai desabar, quando de repente pega um ônibus e durante a viagem, na janela do coletivo, você lê um poema.

Para quem ama literatura, isso serve para, no mínimo, gerar uma pausa nas preocupações e permitir que se “respire melhor”, para dizer o mínimo.

E é isso que o Projeto Viagens Poéticas, do Poeta e Arte Educador Reginaldo Figueiredo, aprovado pela Secretaria de Cultura de Fortaleza (SECULTFOR), quer proporcionar aos passageiros do transporte público da cidade: Mais Poesia.

Uma ideia simples, prática e que tem um alcance potencialmente incrível: no total, os poemas serão afixados em 4 mil ônibus da capital cearense, sendo selecionados pelo Concurso Literário Viagens Poéticas.

Ou seja: uma oportunidade tanto para os passageiros quanto, claro, para os poetas, que terão as suas palavras viajando pelos olhos e mentes dos milhões de cidadãos cearenses que, todo dia, utilizam o transporte público.

A iniciativa, que restringe a participação a poetas naturais ou residentes na cidade ou região metropolitana de Fortaleza, já está com as inscrições (gratuitas) abertas até o dia 12 de setembro!

Quer participar e saber mais? Então acesse o site pelo link http://templodapoesia.blogspot.com/p/regulamento.html

Leia Mais

48 crônicas em 24 horas: quando escrever e divulgar passam a ser sinônimos

Se tem uma coisa que ficou clara para nós, aqui no Clube, é o poder da Web e das mídias sociais como forma de se divulgar livros. Volta e meia somos surpreendidos com estratégias inovadoras e muito curiosas feitas por autores dos quatro cantos do país – e é com eles que buscamos aprender.

Afinal, a divulgação de estratégias de lançamento e comunicação feitas por autores independentes, com resultados comprovadamente positivos, são um prato cheio para toda a comunidade de escritores que pode assim aprender e, claro, enriquecer as suas próprias estratégias.

Um dos casos mais interessantes com os quais nos deparamos recentemente foi do novo livro de Rob Gordon, “24 horas, 48 crônicas“. A obra é, em realidade, o resultado de uma mistura de maratona com reality show literário. Segundo a própria sinopse:

Autor dos blogs Championship Vinyl e Championship Chronicles, Rob Gordon desafiou a si mesmo ao passar 24 horas em frente ao computador escrevendo crônicas inspiradas em temas sugeridos por seus próprios leitores.

O resultado foi o nascimento do projeto “24 Horas, 24 Crônicas”, que reúne textos baseados em assuntos diversos, como a discussão entre um escritor e seu primeiro romance; a conversa entre dois postes de luz durante a madrugada; e as verdadeiras intenções dos filhotes vendidos em um pet shop.

Agora, a iniciativa ganha uma edição em livro, contendo os textos do projeto exatamente na ordem original de publicação, e mais 24 crônicas inéditas, baseadas em ideias não utilizadas durante a maratona de textos.

Tecnicamente, o autor usou o seu blog e a sua (rica) criatividade, que transformou o ato de escrever em divulgação, como ferramentas. Os resultados agradaram: logo após o lançamento, o livro alcançou a lista dos 10 mais vendidos da semana no Clube – e continua com um buzz forte no meio, consolidando o nome do autor a cada nova página lida.

Veja uma crítica ao projeto feita pelo blog Lá no Cafofo, por exemplo: http://www.lanocafofo.com/2011/08/24-horas-48-cronicas-de-rob-gordon.html

Daqui, gostaríamos de parabenizar o Rob pela ideia e pelos resultados: inovar na divulgação é, afinal, uma parte importante de ser autor nos nossos dias!

Para conhecer 24 Horas, 48 Crônicas, basta clicar aqui ou na imagem abaixo:

Leia Mais

Helena Polak lança novo livro no Clube sobre alta sensibilidade emocional

Autora do livro Sensibilidade à Flor da Pele, Helena Polak se consagrou uma das best-sellers do Clube com uma temática singular: o transtorno de personalidade limítrofe, ou borderline.

O seu primeiro título, Sensibilidade à Flor da Pele, já virou referência no mercado pela abordagem: Helena narra um aprendizado e visão de quem convive com o borderline na família. Com base em experiência e muita pesquisa, ela fala sobre a aceitação do transtorno e principalmente sobre como lidar com quem o tem.

Os comentários dos leitores, que recheiam a sua página, deixam claras as recomendações:

“Das diversas coisas boas do livro destaco a facilidade da leitura. Minha esposa também começou a ler e minha filha já está achando que o livro foi escrito para ela. (…) O livro é ótimo para quem é leigo, mas vai haver muito profissional do ramo com certeza maravilhado com a abordagem limpa e direta do tema.” – Eugenio Pacelli

“Parabéns à autora…Minha esposa sofre desse trantorno que tanto tem me prejudicado. Já li muita coisa a respeito desse transtorno, mas esse livro é fantástico.Tudo que precisamos saber sobre o distúrbio em si bem como lidar com a pessoa portadora. Excelente obra! Já me ajudou muito.” – Marcelo

Seguindo a mesma temática, Helena lançou um novo título: Alta Sensibilidade Emocional: Novas perspectivas. O foco, no entanto, são dicas práticas para melhorar a qualidade de vida de quem está sofrendo com sua alta sensibilidade emocional – uma espécie de complemento ao primeiro título.

Segundo a autora, “às vezes essa extrema sensibilidade leva a sofrimento emocional, sinal de que a pessoa talvez possua algumas das características daquilo que é chamado de ‘transtorno de personalidade borderline’ – tais como impulsividade, acessos de raiva, variações rápidas de humor, sensibilidade a críticas, medo de rejeição e abandono, atitude ‘oito ou oitenta’, entre outras. Este livro oferece uma compilação prática de ‘primeiros passos’ para que estas pessoas possam ir adquirindo mais conhecimento e autoconfiança até terem acesso a um apoio terapêutico eficaz.”

Um dos maiores desafios de autores independentes é se tornar referência em seu segmento, algo que acaba trazendo um público fiel e gerando um boca-a-boca poderoso. Chegar nesse ponto requer não apenas uma produção literária que agrade aos leitores, mas também consistência e clareza ao abordar com fluência assuntos dominados por poucos.

Com essa consistência reforçada pelo seu segundo título, Helena está consolidando uma carreira literária promissora e que serve de exemplo a autores independentes especializados nos mais diversos assuntos.

Leia Mais