Novas cidades passam a ser atendidas pelo E-Sedex

Utilizamos, aqui no Clube de Autores, duas modalidades de entrega: E-Sedex e PAC.

O E-Sedex é uma espécie de versão do Sedex feita para comércio eletrônico e muito, muito mais barata do que o Sedex tradicional, tendo prazo de entrega entre 1 a 2 dias e todos os serviços de rastreamento, garantia e assim por diante.

O PAC, por sua vez, é uma modalidade mais comum, que pode levar até 8 dias úteis para chegar aos compradores e, inclusos os serviços de rastreamento e garantia, acaba saindo mais caro do que o E-Sedex.

Na prática, o próprio sistema do Clube decide a modalidade de entrega para cada compra de acordo com o endereço do usuário – principalmente porque o E-Sedex não abrange todo o país.

Ou seja: quando o endereço de destino é atendido pelo E-Sedex (tendo, portanto, preço de entrega e prazo menores), é este que é exibido. Quando, por outro lado, o destino não é atendido pelo E-Sedex, o sistema exibe o PAC como modalidade utilizada.

A boa notícia é que os Correios ampliaram a quantidade de cidades atendidas pelo E-Sedex e, para elas, o frete ficará mais barato. Isso já está em funcionamento desde a semana passada e abrange a um total de 27 novas localidades, incluindo:

Anápolis
(Goiás) 
Assis (São Paulo) 
Boa Vista (Roraima) 
Brazlândia
(DistritoFederal) 
Cachoeira Paulista (São
Paulo) 
Campina Grande
(Paraíba) 
Caruaru
(Pernambuco) 
Ceilândia Centro
(DistritoFederal)
Gama
(DistritoFederal) 
Itatiba (São Paulo) 
Jaú (São Paulo) 
Luziânia (Goiás) 
Macapá (Amapá) 
Mossoró (Rio Grande do
Norte) 
Paranoá
(DistritoFederal) 
Parnamirim (Rio Grande
do Norte) 
Petrolina
(Pernambuco) 
Planaltina (Goiás) 
Recanto das Emas
(DistritoFederal) 
Riacho Fundo
(DistritoFederal) 
Rio Branco (Acre) 
Samambaia Sul
(DistritoFederal) 
Santa Maria
(DistritoFederal) 
São Sebastião
(DistritoFederal) 
Sobradinho (Goiás) 
Tatuí (São Paulo) 
Valparaíso de Goiás
(Goiás) 

Leia Mais

Freeporto abre hoje as portas de sua segunda (e penúltima) edição

No ano passado, um novo evento literário tomou conta das ruas do Recife Antigo, bairro histórico e tradicionalmente boêmio da capital pernambucana.

Mesclando música e livros – incluindo maneiras inusitadas de se fazer divulgações – o evento marcou o calendário literário de 2009, devendo se repetir agora em 2010.

Agendado para os dias 3 a 5 de dezembro (ou seja, a partir de hoje) nas ruas do mesmo Recife Antigo, a Freeporto (Festa Literária do Recife) contará com as presenças de Adélia Flô, Allan Sales, André de Sena, Aymmar Rodriguéz,  Bruna Beber, Cícero Belmar, Cristhiano Aguiar, Delmo Montenegro, Mário Prata e Nicolas Behr, dentre outros. Para conferir a lista completa de convidados, clique aqui.

Se você gosta de literatura e quer se esbanjar nessa festa – que, diferentemente de outros eventos do gênero, tem data marcada para terminar no ano que vem – aproveite!

Para mais informações, acesse o site da Freeporto clicando aqui ou indo diretamente ao link http://freeporto.wordpress.com/

Leia Mais

Da boléia do caminhão para o mundo

Caminhoneiros são, provavelmente, as pessoas que mais conhecem os detalhes da realidade brasileira. Cruzando o país de ponta a ponta, eles acabam entrando em contato com povos e culturas que poderiam ser descritas até mesmo como exóticas para os habitantes das grandes metrópoles tupiniquins.

Foi com base nessa experiência de vida que o autor Jean Carlos de Andrade escreveu “Vida de Caminhoneiro“. A bem da verdade, ele iniciou o livro (recheado de casos, “causos” e desabafos) há mais de uma década – mas foi recentemente que ele foi publicado aqui no Clube de Autores.

Segundo a sua sinopse:

Neste livro eu relato fatos verdadeiros e curiosos da vida de um
caminhoneiro.São histórias engraçadas e, algumas vezes, tristes e
emocionantes.
Emoção de acelerar o “carrão” cada vez mais pelas estradas e rodovias
transportando todo tipo de cargas, conhecendo pessoas e culturas
diferentes, é tudo que me faz um profissional responsavel e realizado na
vida.
O livro traz desabafos e criticas pela decepção com que nossos
governantes cuidam das grandes rodovias responsáveis pelo progresso de
nosso país.

Vida de Caminhoneiro acabou chamando a atenção de veículos do sul de Minas, de onde o autor é, resultando em uma matéria na Gazeta do Vale. Reproduzimos a matéria abaixo, que fala também de outra obra de Jean, “A Magia da Capoeira”.

Para conhecer o livro Vida de Caminhoneiro, clique aqui ou vá direto ao link http://clubedeautores.com.br/book/24459–VIDA_DE_CAMINHONEIRO

Para conhecer o conjunto de obras de Jean, clique aqui, na matéria abaixo ou vá ao link http://clubedeautores.com.br/search?what=jean+carlos+de+andrade&commit=BUSCA.

Leia Mais